09/07/2009

Palavras Doutrinárias Adicionais À Vida da Igreja

INTRODUÇÃO



Palavras Doutrinárias Adicionais à Vida da Igreja tem por finalidade atender as necessidades fundamentais da Igreja de Jesus nas localidades, face à invasão de inimigos letais, com grande poder de destruição em massa no seio dos valores morais e espirituais do povo de Deus. Sim! Precisamos, como parte da liderança da Igreja, avançar contra o mundanismo, a carnalidade, a influência da falsa música evangélica, etc. etc. Caso não degolemos agora esses malditos invasores, certamente seremos degolados impiedosamente por esses ativos agentes satânicos.

Prestemos atenção nas revelações bíblicas a seguir:



1 Co 10:1-5

1 Ora, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais estiveram todos debaixo da nuvem, e todos passaram pelo mar.
2 E todos foram batizados em Moisés, na nuvem e no mar,
3 E todos comeram de uma mesma comida espiritual,
4 E beberam todos de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo.
5 Mas Deus não se agradou da maior parte deles, por isso foram prostrados no deserto.

Prestemos atenção na terrível revelação do Espírito Santo a Paulo:

· TODOS debaixo da nuvem durante anos . Uma grande experiência espiritual após libertação da escravidão do Egito, durante quarenta anos consecutivos.

· TODOS passaram pelo mar. Uma segunda grande experiência espiritual com Deus no primeiro deserto.

· TODOS foram batizados em Moisés, na nuvem da Glória de Deus e no livramento das águas do Mar Vermelho.

· Ablução: do latim ablutio, significa "lavagem".

· Ritual religioso de purificação através da água praticado por diversos povos da antiguidade bíblica, principalmente, em Israel. O religioso lavava-se antes de rituais ou alguma prece.

· A ablução simbolizava a pureza do homem, quando, rejeitando o homem a si mesmo e olhando somente para a divindade, tornava-se esse homem, referência da divindade na terra. No caso de Israel: DEUS.

· Na Nova Aliança: Ablução é sinônimo de batismo. Batismo é imersão. Batismo por imersão é sepultar o homem velho. A EMERSÃO das águas batismais aponta para a ressurreição do crente com Cristo.

· TODOS foram batizados em Moisés, na nuvem da Glória de Deus e no livramento das águas do Mar Vermelho. ISTO É:

· Deus mesmo mergulhou o povo hebreu no ministério de Moisés.

· Deus mesmo mergulhou o povo hebreu na experiência da nuvem da Glória.

· Deus mesmo mergulhou o povo hebreu na experiências das águas do Mar.

· TODOS comeram de uma mesma comida espiritual. SIM! Todos viram de perto os milagres que levaram o Egito opressor à queda. Todos viram de perto as águas do Mar abertas. Todos contemplaram o milagre da água em abundância fluída da rocha. Todos viram de perto o Monte Sinai fumegando e o barulho das trombetas angelicais sobre o monte..ISTO é comida espiritual. É preciso ser muito ateu para não renovar-se diante de inúmeros e inconfundíveis milagres divinos tais como estes...

· TODOS beberam de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo.

· Olhos naturais dizem: “uma coluna de nuvem acompanhou o povo hebreu no deserto, diuturnamente”.

· Ex 13:21 “E o SENHOR ia adiante deles, de dia numa coluna de nuvem para os guiar pelo caminho, e de noite numa coluna de fogo para os iluminar, para que caminhassem de dia e de noite”.

· Ex. 33:9. “E sucedia que, entrando Moisés na tenda, descia a coluna de nuvem, e punha-se à porta da tenda; e o SENHOR falava com Moisés”.

· AOS OLHOS NATURAIS: Uma coluna de nuvem ao dia e uma coluna de fogo à noite e nada mais que isso.

· AOS OLHOS ESPIRITUAIS: A presença do Filho de Deus no seio dos hebreus. UMA BEBIDA ESPIRITUAL EXTRAORDINÁRIA.

· Revelação do Espírito de Deus a Paulo: todos beberam de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo.

AÍ, imaginamos: Certamente, TODO esse povo foi simplesmente extraordinário diante de Deus face a tantas maravilhas espirituais recebidas do Todo-Poderoso Deus. Grande engano!!! Terrível engano!!!! Lastimável engano!!! Palavras do Espírito de Deus a Paulo, no versículo 5: “...Deus não se agradou da maior parte deles, por isso foram prostrados no deserto”.



Há crentes que, por mais que Deus se revele a eles, por mais que o Senhor escancare os Céus para que eles conheçam as riquezas celestiais na terra... não têem o mínimo interesse nas coisas de Deus. Até procuram Deus sim, quando estão enfermos, envolvidos em problemas, desempregados....

Demos uma simples olhadela no currículo de Naamã: 2 Reis 5:1.

Capitulo 5:1

...Naamã:

1) Capitão do exército do rei da Síria..

2) Era um grande homem diante do seu senhor.

3) ...de muito respeito.

4) ...porque por ele o Senhor dera livramento aos sírios.

5) ...e era este homem herói valoroso.

6) ....porém, leproso”.

O termo leproso, no grego é λεπρός- lepros e significa:

· Que tem lepra.

· Que possui a natureza da lepra.

· Nojento, asqueroso, repugnante.



Pessoa nojenta: Que causa nojo; repugnante, repelente, nojoso, anojoso.

Pessoa asquerosa: Que causa asco; repelente, nauseabundo, ascoso, ascoroso.

Pessoa repugnante: Que, por ser sujo, fétido, deteriorado, etc., causa aversão física, até náusea; Fig. Que suscita indignação moral; que se opõe ao bom senso, aos costumes.



Os templos evangélicos estão repletos de cantores, pregadores, ensinadores, instrumentistas, dirigentes diversos que, mesmo detentores de experiências espirituais práticas com Deus no deserto, a maioria é constituída de pessoas nojentas, asquerosas e repugnantes...

Têm currículo até invejável, mas são CRENTES LEPROSOS!!!

NAAMÃ

Um princípio de currículo invejado, heim!!! Senão, vejamos:

Quem, naqueles dias, não gostaria de ser capitão dos exércitos sírios!!!!?

Quem não gostaria de ter acesso ao rei da síria e merecer da história o título de grande diante de um senhor terrestre!!!!?

Quem, em qualquer tempo, lugar, etc, não gostaria de ser respeitado sempre!!!!! O título “herói” era privilégio de um grupo seleto, especial.

O título “herói” era estigma de guerreiro. Um militar acima da média.

ENTRETANTO, no final do currículo, revela-nos o Espírito Santo: NAAMÃ ERA LEPROSO.



Este tem sido o estado espiritual e moral de muitos crentes ricos, donos de recursos, bem empregados, pastores, obreiros, cantores, assíduos e até pontuais na casa de Deus....SIM!!!



Este tem sido o estado espiritual e moral de muitos crentes hoje.

Crentes que já conheceram a grandeza do Batismo com o Espírito Santo.

Crentes que ainda falam em línguas estranhas.

Crentes que ouvem sempre grandes mensagens da Bíblia Sagrada, que conhecem grandes homens e mulheres de Deus, que participam dos cultos de Igrejas locais poderosas em atos e palavras, que têem pastores zelosos...etc. etc. SIM! De alguma forma estão sempre debaixo de bênçãos espirituais e experiências inauditas...SÃO VERDADEIROS LEPROSOS.

De toda essa multidão que vem aos cultos na Igreja local ou que participou do último grande culto da Igreja, o Espírito Santo, assim como revelou a Paulo, ainda diz: “...Mas Deus não se agradou da maior parte deles, por isso foram prostrados no deserto”.



A Igreja do Senhor será arrebatada de um grande deserto: Ct 3:6 e 8:5.

É no deserto espiritual que Deus comunica-SE com o Seu povo: Os 2:14.

ENTRETANTO, milhares de crentes, por ingratidão a Deus e imprudência espiritual, estão transformados em imundos cadáveres espirituais prostrados nesse deserto. Deixaram-se devorar pelos predadores típicos do deserto. Sim, deixaram-se devorar pelos abutres, pelo temido leão e seus filhos demoníacos, pelos chacais, pelo veneno das serpentes....pelo frio intenso das noites escuras, pelo calor abrasador... pelos ventos fortes...

Por que estão mortos?

Porque deixaram a fidelidade a Deus, a Jesus, ao Espírito Santo e à Igreja.

Tornaram-se crentes saudosos do mundanismo, da carnalidade de outrora.

Afastam-se de Jesus, o Esconderijo do Altíssimo. Sl 91:1.

Viraram as costas para as doutrinas básicas da Igreja: Assiduidade, pontualidade, obediência à Palavra de Deus...



Lembram da Arca de Noé?!!!!

Ela é um símbolo da Igreja de Jesus!!!!

O primeiro andar da Arca, por exemplo, aponta para a Igreja na localidade.

Todos, no primeiro andar, livraram-se das águas do dilúvio.

Dentro da Arca o Senhor determinou a presença de animais limpos e animais imundos, sujos. Sim!!! Estavam livres das águas assassinas, mas eram imundos!

Uns relinchavam – outros davam coices – outros urravam – outros eram serpentes, cobras, víboras, gambás, cães.

Laodicéia e Filadélfia estarão juntas até o arrebatamento da Igreja.

Laodicéia representa Joio. Filadélfia representa trigo.

Laodicéia é carnalidade, mundanismo. Filadélfia é povo de Deus.

Laodicéia é gente comprada e resgatada, mas jamais lavada no sangue de Jesus.

Filadélfia são crentes comprados, resgatados, lavados e redimidos no sangue.

Há crentes que não fumam, não bebem, não são prostitutos, não adulteram, defendem princípios morais, não são escandalosos em vestes, etc., MAS CARACTERIZAM-SE como pessoas nojentas, asquerosas e repugnantes.

Deus não se agradou da maior parte deles, por isso foram prostrados no deserto.

Uma das três propostas de satanás a Jesus foi: “se prostrado me adorares, tudo...te darei” – Mt 4:1ss.

Crente prostrado é gente de Satanás.

O povo que ouve a voz do Senhor está em pé – Ez 2:1.

O povo que ouve a Palavra do Senhor vive em pé – Jr 18:1ss.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários: