01/08/2009

AS TRÊS TRAVESSIAS DO CRENTE



A vida cristã evangélica obedece três travessias distintas:
A PRIMEIRA TRAVESSIA diz respeito ao Mar Vermelho, quando o crente sofrido, maltratado, etc. é arrancado de um mundo de escravidão (SIMBOLOGIA DO EGITO). Agora, conduzido por Moisés (A PALAVRA DE DEUS) atravessa o Mar em direção à terra de Canaã (SIMBOLOGIA DO CÉU). Sair do Egito e ir para Canaã é trocar de território. O crente sai de um domínio (O CONTINENTE AFRICANO DE FARAÓ ) para um outro domínio (O CONTINENTE ASIÁTICO DE CANAÃ). Após essa travessia, quando Faraó e o Egito (o Diabo e o sistema mundano) ficam para trás, vem a terrível experiência de um grande e quase infindo deserto, onde o crente aprende a cultuar a Deus (LIVRO DE LEVÍTICO) e torna-se testemunha viva de milagres extraordinários em pleno deserto (ELE VÊ DIARIAMENTE UM MANÁ QUE DESCE DO CÉU...VÊ ÁGUA FLUINDO DA ROCHA, PÁSSAROS ALIMENTAM-NO, etc). Porém, depois de tantas peregrinações e milagres divinos no deserto, chega o momento de atravessar o Rio Jordão. SIM! A SEGUNDA TRAVESSIA é exatamente a travessia do Jordão. Atravessar o Jordão parece muito mais difícil que atravessar o Mar Vermelho. Atravessar totalmente o Mar Vermelho simboliza a certeza do novo nascimento. Mas, atravessar o Rio Jordão significa estar prestes a entrar na Canaã Celestial. Nem todos os que atravessam o Mar Vermelho estarão presentes na travessia do Jordão. Milhares ficaram estirados naquele deserto pós-Mar Vermelho. Milhões ficarão prostrados no deserto pós novo nascimento. A travessia do Mar deu-se numa noite escura. A travessia do Jordão deu-se numa manhã. Um novo dia. Um dia claro. A travessia do Mar apontava para o deserto, a travessia do Jordão aponta para o destino final do crente: CANAÃ. Aleluia! A travessia do Jordão dar-se-á no dia do arrebatamento da Igreja. A palavra profética de Cantares de Salomão 8:5, revela: “Quem é esta que sobe do deserto, e vem aprazivelmente encostada ao seu amado?” – Multidões atravessaram o Mar Vermelho; também multidões atravessarão o Rio Jordão. Na travessia do Mar, o Todo-Poderoso Deus usou Moisés (SIMBOLOGIA DA PALAVRA DO SENHOR) – Na travessia do Jordão, o Senhor usou Josué, o capitão dos exércitos de Israel no deserto. Jesus Cristo é o Capitão da salvação do crente. Ele mesmo conduzirá o povo de Deus à eterna Canaã. A Canaã de cima. Aleluia! A TERCEIRA TRAVESSIA, entretanto, é literalmente distinta diante das duas primeiras travessias. Na primeira travessia, milhares de pessoas atravessam juntas – Na segunda travessia, idem. Multidões estarão presentes nessa travessia (O DIA DO ARREBATAMENTO). A TERCEIRA TRAVESSIA não pode ser procedida por duas ou três pessoas. Não! Somente o crente, sozinho. Trata-se da travessia onde, na cabeça do crente, paira unicamente um só desejo: UM ENCONTRO PESSOAL COM DEUS. A terceira travessia chama-se “A TRAVESSIA DO RIO JABOQUE” ou “A TRAVESSIA DO JABOQUE” Gênesis 32:22ss. Numa inédita noite, após 20 anos de fuga – Gn 31:28, jurado de morte – Gn 27:41, Jacó, percebendo estar no vale da morte, distancia-se de seus entes queridos e, numa noite extremamente escura, atravessa o Rio Jaboque, um manancial tributário do Jordão (SUAS ÁGUAS DESAGUAM NO LEITO DO RIO JORDÃO ENTRE O MAR DA GALILÉIA E O MAR MORTO)...... e, sozinho, ouvindo apenas o barulho das águas do rio, suplicou a Deus que o livrasse da fúria mortal de Esaú. Naquela mesma noite, ainda à margem do Jaboque, Yhwh mudou a história de Jacó, ocasião em que mudou-lhe o nome, uma vez que o velho nome (Jacó) abrigava uma maldição que, durante vinte anos, alterou em muito a vida de Jacó (JACÓ, SIGNIFICA: TRAPACEIRO, QUE ENGANA, QUE VENCE ENGANANDO)... O Senhor deu-lhe um novo nome: IS’RAEL (soldado de Deus é a melhor etimologia do nome Israel). Ao amanhecer o dia pós noite no Jaboque, a história mostrou-se literalmente mudada e favorável ao moço outrora Jacó – Gn 33:1ss.
AMIGOS: A história jamais mudará. É preciso que haja uma terceira travessia na vida do crente. Jamais vencerei meus adversários e inimigos unicamente porque nasci de novo (MAR VERMELHO ULTRAPASSADO) e estou a caminho do Céu (O JORDÃO). Nunca! A Primeira travessia, tirou o povo de Deus do cativeiro do Diabo (FARAÓ) – A segunda, colocará o povo de Deus nos tabernáculos eternos (CANAÃ CELESTIAL) – A terceira travessia: GERA LIVRAMENTOS PESSOAIS. Esaús ameçam-nos, sempre. Os anos passam-se, mas nossos adversários jamais esquecem que precisamos morrer. Que tal, então, uma noite no Jaboque???? Hein!!!! Que tal, numa dessas tantas noites escuras da vida, isolarmo-nos com o Eterno Deus?!? TENHAIS PAZ.


Adelson R. Buenos
Teologia Cristã Makarios
Igreja Metodista Wesleyana em Maracanã - Cariacica /ES
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários: