21/01/2014

UM PEDIDO DE SOCORRO - "Em Edição"

I Samuel 11
1. Então subiu Naás, o amonita (REINO DE AMON), e sitiou (CERCOU, CONFINOU) a Jabes-Gileade (RESSECADO E ROCHOSO). E disseram todos os homens de Jabes a Naás: Faze aliança (POVO SECO E ROCHOSO FAZENDO ACORDO COM O DIABO) conosco, e te serviremos.
2. Respondeu-lhes, porém, Naás (SERPENTE), o amonita: Com esta condição farei aliança convosco: que a todos vos arranque o olho direito (INUTILIZAR PARA A GUERRA=O OLHO ESQUERDO JÁ ERA INUTILIZADO PELO ESCUDO); assim porei opróbrio (DESPREZO, BLASFÊMIA) sobre todo o Israel.
3. Ao que os anciãos de Jabes lhe disseram: Concede-nos sete dias (DISPENSAÇÃO DA GRAÇA, A PORTA ABERTA DA ARCA DE NOÉ), para que enviemos mensageiros por todo o território de Israel; e, não havendo ninguém que nos livre, nos entregaremos a ti (AINDA HAVIA UMA ESPERANÇA).
4. Então, vindo os mensageiros (APONTA PARA O ESPÍRITO SANTO) a Gibeá (MONTE. CIDADE EM BENJAMIM(FILHO DA MÃO DIREITA), TERRA NATAL DE SAUL, APONTA PARA O CÉU) de Saul (APONTA PARA JESUS CRISTO, O FILHO DA MÃO DIREITA), falaram estas palavras aos ouvidos do povo. Pelo que todo o povo levantou a voz e chorou (O POVO SE COMPADECEU DO SFRIMENTO DE SEUS IRMÃOS).
5. E eis que Saul vinha do campo, atrás dos bois (SAUL ESTAVA TRABALHANDO); e disse Saul: Que tem o povo, que chora (SAUL VIU O POVO CHORANDO)? E contaram-lhe as palavras dos homens de Jabes.
6. Então o Espírito de Deus se apoderou de Saul (QUANDO NOS IMPORTAMOS COM OS OUTROS, É SINAL QUE SOMOS CHEIOS DO ESPÍRITO SANTO), ao ouvir ele estas palavras; e acendeu-se sobremaneira a sua ira.
7. Tomou ele uma junta de bois (UM PAR DE BOIS), cortou-os em pedaços, e os enviou por todo o território de Israel por mãos de mensageiros, dizendo: Qualquer que não sair após Saul e após Samuel, assim se fará aos seus bois. Então caiu o temor do Senhor sobre o povo, e acudiram como um só homem.
8. Saul passou-lhes revista em Bezeque (RELAMPAGO); e havia dos homens de Israel trezentos mil, e dos homens de Judá trinta mil.
9. Então disseram aos mensageiros que tinham vindo: Assim direis aos homens de Jabes-Gileade:
Amanhã, em aquentando o sol (1º O CHORO PODE DURAR UMA NOITE, MAS A ALEGRIA VEM PELA MANHÃ. 2º JESUS, O SOL DA JUSTIÇA), vos virá livramento. Vindo, pois, os mensageiros, anunciaram-no aos homens de Jabes, os quais se alegraram.
10. E os homens de Jabes disseram aos amonitas: Amanhã nos entregaremos a vós; então nos fareis conforme tudo o que bem vos parecer.
11. Ao outro dia Saul dividiu o povo em três companhias (ESTRATÉGIA); e pela vigília da manhã vieram ao meio do arraial, e feriram aos amonitas até que o dia aquentou; e sucedeu que os restantes se espalharam de modo a não ficarem dois juntos.
12. Então disse o povo a Samuel: Quais são os que diziam: Reinará porventura Saul sobre nós? Dai cá esses homens, para que os matemos (A 1º SENTENÇA ERA DE MORTE).
13. Saul, porém, disse: Hoje não se há de matar ninguém (SAUL MANIFESTOU MISERICÓRDIA), porque neste dia o senhor operou um livramento em Israel:
14. Depois disse Samuel ao povo: Vinde, vamos a Gilgal, e renovemos ali o reino (A 2º SENTENÇA É DE RESTAURAÇÃO; RENOVO).
15. Foram, pois, para Gilgal, onde constituíram rei a Saul perante o Senhor, e imolaram sacrifícios de ofertas pacíficas perante o Senhor; e ali Saul se alegrou muito com todos os homens de Israel.
Introdução
O território de Jabes-Gileade pertencia à tribo de Gade, e situava-se a leste do Jordão, no antigo território de Amon.

I - O Cerco
O rei dos amonitas, Naás reuniu seu exército para sitiar a cidade de Jabes-Gileade. Confinar o adversário dentro de seus limites territoriais, em seus próprios muros é tática antiga de guerra. O objetivo é simples, vencer pelo cansaço. Com o passar do tempo de confinamento, se acabam as provisões básicas para o subsistência humana,  como comida e água.
Naás é tipo do próprio Diabo. Seu nome em hebraico é נחש Nachash e significa "serpente".
Satanás possui uma infinidade de nomes e títulos nas páginas do Santo Livro:

a) satanás = Adversário - Zc 3.1; 1Pe 5.8
b) acusador - Ap 12.10
c) lúcifer =Lux ferre ou Phóphoros =  portador da luz - Is 14.12
d) dragão - Ap 12.7
e) diabo = difamador - 1Pe 5.8
f) homicida e Mentiroso - Jo 8.44
g) sedutor - Ap 20.10
h) príncipe do Mundo - Jo 12.31
i) príncipe da Potestade do ar - Ef 2.2
j) destruidor - Ap 9.11
k) tentador - Mt 4.3
l) maligno - Mt 4.3

m) serpente - Ap 12.9


Vejamos algumas características de uma serpente:

1. Sangue frio – Satanás é paciente e não tem misericórdia de sua presas.
2. Troca de pele – Satanás é mestre em ilusionismo, ele e seus demônios, se transfiguram inclusive em anjos de luz (2 Co 11.14).
3. Pálpebras transparentes – Satanás não pisca. Está sempre atento para tragar aqueles que estão vacilantes.
4. Carnívora – Satanás é um grande predador.
5. Sente o cheiro pela língua – Quando se dialoga com satanás, ele sente o cheiro de carnalidade.
5. Peçonha – Satanás é extremamente venenoso.
6. Devido à sua mandíbula alcançar uma abertura acima de 150º e a ausência de um osso chamado "esterno", que une as costelas nos outros vertebrados, o que permite o aumento diametral do corpo, a serpente consegue engolir grandes presas - Satanás tem poder para derrubar até mesmo grandes homens de Deus, caso estes não estejam vigilantes.

Satanás possui um ministério tríplice, que é ROUBAR, MATAR E DESTRUIR - Jo 10.10a.
Também possui uma hierarquia - Ef 6.12

  • Pricipados
  • Potestades
  • Dominadores do mundo tenebroso
  • Hostes espirituais da maldade
Seus demônios possuem áreas específicas de operações:
  • Demônios opressores
  • Demônios obsessores
  • Demônios aluscinadores
  • Demônios possessores
  • Demônios amaldiçoadores



Comentários: Adelson Makários
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários: