04/02/2016

OS TRÊS GRANDES PILARES DO CULTO A DEUS




TEXTO BASE 

João 12:1-3
1. Foi, pois, Jesus seis dias antes da páscoa a Betânia, onde estava Lázaro, o que falecera, e a quem ressuscitara dentre os mortos.
2. Fizeram-lhe, pois, ali uma ceia, e Marta servia, e Lázaro era um dos que estavam à mesa com ele.
3. Então Maria, tomando um arrátel de unguento de nardo puro, de muito preço, ungiu os pés de Jesus, e enxugou -lhe os pés com os seus cabelos; e encheu-se a casa do cheiro do unguento.

INTRODUÇÃO
Deus é e sempre será extremamente organizado! Na casa de Lázaro e suas irmãs vemos o modelo de culto que agrada o Eterno. Vejamos:

I – SERVIÇO – “...e Marta servia...” Jo 12. 2a
A. Há muito trabalho a ser feito, porém poucos se disponibilizam – Mt 9. 37, 38
B. Somos exortados a demonstrar firmeza e Constancia na obra de Deus – 1 Co 15. 58

II – COMUNHÃO – “...Lázaro era um dos que estavam à mesa com ele...” Jo 12. 2b
A palavra “comunhão” procede do termo grego Kinonia e significa:
1) fraternidade, associação, comunidade, comunhão, participação conjunta, relação
1a) a parte que alguém tem em algo, participação
1b) relação, comunhão, intimidade
A. Mesa é lugar de comunhão – Lc 22. 14
B. Comunhão é a certeza de que andamos na luz e que fomos perdoados – I Jo 1.7

III – ADORAÇÃO – “... Maria... ungiu os pés de Jesus, e enxugou-lhe os pés com os seus cabelos...” Jo 12. 3
A. Deus deseja ser Adorado – Dt 6. 4, 5
B. A adoração quebra as cadeias – At 16. 25, 26
C. A adoração rompe fronteiras – Mt 2.1, 2 ; 11

Epílogo
Sempre que houver adoração, comunhão e serviço, certamente estaremos no centro da vontade de Deus!
Pb Adelson
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários: